Voltar a Artigos

Apelo à comunidade académica

Nos últimos dias, Portugal tem registado um aumento de casos confirmados com a infeção pelo vírus SARS-CoV-2. A par do que está a acontecer no país, foi também detetado na região do Porto um aumento do número de casos associados em eventos e outras atividades sociais em que participaram estudantes da U.Porto.

De acordo com as autoridades de saúde, estes casos têm ocorrido em ocasiões em que se verifica uma maior proximidade física entre as pessoas e uma menor utilização de máscara facial, nomeadamente durante refeições de grandes grupos ou em convívios e ensaios de grupos académicos.

Em sentido inverso, não têm sido registados casos de transmissão nas atividades letivas ou de investigação na U.Porto, onde se mantém em vigor a obrigatoriedade da utilização permanente de máscara em todos os espaços fechados.

Assim, a Task-Force da U.Porto para a COVID-19 apela a toda a comunidade académica para a necessidade de cada pessoa adotar, em todos os momentos, as medidas bem conhecidas para a redução do risco de transmissão da infeção por contacto interpessoal, de que se destaca:

– uso de máscara em situações e locais de maior concentração de pessoas;

– manter o distanciamento físico sempre que possível;

– em caso de sintomas, fique em casa e contacte o SNS24, através do 808 24 24 24.

 

Apela-se ainda à ponderação individual da relação risco/benefício antes da participação em eventos em que não seja possível minorar adequadamente o risco da transmissão da infeção. Só através do comportamento adequado e responsável de cada um de nós será possível evitar a necessidade de se adotarem medidas restritivas que afetarão toda a sociedade e a comunidade académica em particular.

Por fim, recorda-se que as autoridades de saúde recomendam fortemente a vacina contra a COVID-19 como forma de proteção contra a doença e as suas complicações. Para o efeito, continuam abertos, em todo o país, vários centros de vacinação contra a COVID-19.

Partilhar

Voltar a Artigos